Nádia Polido, uma estreante na seleção Sub-19 em busca de afirmação



Em estreia absoluta na Seleção Nacional, a fixo/ala quer mostrar as suas valências nestes dias de trabalho, disse ao fpfp.pt

A Seleção Nacional de futsal feminino está de regresso ao trabalho. Depois da conquista dos Jogos Olímpicos da Juventude, a formação portuguesa cumpre, em Rio Maior, o seu primeiro estágio de preparação de 2019.

Em estreia absoluta na Equipa das Quinas, Nádia Polido garante que o bom espírito de grupo tem facilitado a sua integração: "É tudo muito novo, estou ainda a habituar-me a esta nova realidade. Tenho de salientar que fui muito bem recebida pelo grupo. Nota-se que existe grande união e entusiasmo, assim torna-se mais fácil a adaptação de quem chega", começou por dizer.

Questionada a contar a forma como recebeu a chamada inédita, a fixo/ala sublinhou o orgulho dos familiares: "O treinador do meu clube disse-me, mas sempre pensei que estivesse na brincadeira. Depois vi o comunicado oficial e fiquei extremamente feliz. A minha família adora ver-me jogar. Sentem-se muito felizes e orgulhosos por esta estreia", disse.

Sobre estes dias de trabalho, Nádia Polido revela foco e pragmatismo: "Acima de tudo, quero dar o melhor de mim e adaptar-me à equipa. Treino após treino vou traçando novas metas e objetivos", referiu, identificando Sara Ferreira como uma das suas grandes referências.

Vídeos
Janice "focadas e unidas"
Ricardinho em entrevista no "Mini Atleta"
Os 3 melhores golos da Jornada 18 da Liga SportZone
Os melhores golos da Jornada 21 da LNFS
Portugal vence último ensaio para o Europeu | Vídeo
Grande Golo de Ariadna
Gazprom Ugra - Sinara | Live | 10h
Portugal goleia Hungria 9-0
Brasil vence Espanha no segundo duelo | Vídeo
Ricardinho quer estar em Gondomar
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial