Joinville leva virada no tempo normal, mas vence Pato no prolongamento e vai à semifinal da LNF



Depois de vencer o jogo da primeira mão por 5-1 fora de casa, o Tricolor sofreu uma derrota por 3-2, mas fez o 2-0 no tempo extra e eliminou o atual bicampeão. A equipa aguarda o vencedor da ACBF x Corinthians.

O Atual bicampeão da Liga Nacional de Futsal, Pato está eliminado da edição 2020 da competição. Depois de perder o jogo da primeira mão dos quartos de final em Pato Branco-PR por 5-1, a equipa paranaense precisava vencer o Joinville no tempo normal e no prolongamento nesta terça para avançar à semifinal. A missão parecia que seria cumprida. Após ver o rival abrir 2-1, a equipa do técnico Sérgio Lacerda conseguiu uma virada heroica, vencendo o tempo normal por 3-2. Só que, no prolongamento, o Joinville tratou de carimbar a classificação com um incontestável triunfo por 2-0.

A partida mal começou, e o Joinville saiu na frente. Em jogada individual, Genaro chutou rasteiro, e a bola morreu no canto direito de Ramon. Aos dois minutos, Genaro quase marcou o segundo. Só que dessa vez o guarda-redes pato-branquense conseguiu desviar para a linha de fundo. A pressão do Joinville persistiu pelos minutos seguintes. Aos quatro, Genaro, sempre ele, acertou na trave.
Refeito do susto, o Pato criou a sua primeira chance aos cinco, com Perin. Atento, Willian fez a defesa. Aos oito, já com o seu segundo quarteto em quadra, o Joinville mandou mais uma bola na trave, agora com Xuxa. Aos 11, Xuxa finalizou novamente, e Ramon foi buscar. Aos poucos, porém, o Joinville foi recuando, e o Pato começou a pressionar. Aos 15, Peru e Tiago Selbach colocaram Willian para trabalhar duas vezes seguidas. Um minuto depois, Perin finalizou rente ao poste.
Apesar da pressão dos paranaenses, o Tricolor teve mais uma ótima chance aos 18, quando Dieguinho acertou na trave pela terceira vez no jogo. Quando a primeira etapa se encaminhava para uma vitória parcial dos donos da casa, o Pato teve um penalti a seu favor num toque de mão na área joinvilense. Na cobrança, Valença fez 1-1, placard parcial.

O segundo tempo começou movimentado. Renatinho quase marcou para o Joinville aos dois minutos. No contra-ataque, Tiago Selbach avançou livre e tocou para fora. Aos quatro, Igor serviu Renatinho, que chutou para a defesa de Ramon. Dois minutos depois, Dieguinho cobrou falta, e o guarda-redes paranaense tirou com a ponta do pé.
Aos 11, o Joinville voltou a liderar o marcador, ficando mais perto da classificação. Após lançamento em profundidade, Rodriguinho deu um leve toque na saída de Ramon para fazer 2-1. Só que do outro lado estava o Pato, atual bicampeão da LNF. Após o golo, o técnico Sérgio Lacerda lançou Valença com o 5X4, e, aos 15, Perin igualou o placard, renovando as esperanças da equipa paranaense.
Jogando a sua vida na LNF 2020, o Pato foi com tudo em busca da virada que forçaria o prolongamento, e aos 17, Valença aproveitou a confusão na área para fazer o 3-2. Após o golo, foi a vez de o técnico Daniel Júnior arriscar o 5x4 com Renatinho fazendo a função. Só que os visitantes conseguiram segurar o resultado, confirmando o prolongamento.

Os primeiros minutos do tempo extra foram tensos, truncados e com muitos erros dos dois lados. A dois minutos do fim do primeiro tempo, Valença passou a atuar no 5x4 no Pato. A 18 segundos do intervalo, o Joinville cometeu a sua quinta falta ficando pendurado para o restante do jogo.
Mesmo pendurado, o Tricolor teve ótima oportunidade no primeiro minuto do primeiro tempo, quando Caio finalizou com uma cavadinha na saída de Ramon, e a defesa pato-branquense afastou o perigo. Aos dois minutos, Dieguinho avançou pela esquerda e serviu Machado, que, livre, fez o primeiro golo do prolongamento.

Precisando virar para seguir em frente, o Pato ainda tentou o milagre, mas desst vez os catarinenses souberam segurar a vantagem. A 12 segundos do fim, Leco ainda aproveitou contra-ataque e fez 2-0, selando de vez a classificação.



Vídeos
Júnior em entrevista para o Canal 11 da FPF
Carlinhos e Lúcio em entrevista para o Canal 11 da FPF
Mafalda Ferreira marcou o primeiro golo da história da 2ª Divisão Nacional
Os melhores golos da jornada 16 da Liga Placard Futsal
Os melhores golos da Jornada 15 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 13 da Liga Placard Futsal
Fins de semana de 12-13 e 19-20 de dezembro com proibição de circulação na via pública a partir das 13h
Os Melhores golos da Jornada 12
Reportagem de Joel Silva (Caxinas) para o Canal 11
Os melhores golos da Jornada 11 da Liga Placard
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial Politica Privacidade