Rodrigo Simão "estamos todos a fazer um bom trabalho"



Rodrigo Simão faz um balanço muito positivo destes dias de trabalho: "Têm sido semanas bastante duras e intensas. No entanto, já estamos habituados a esta exigência e penso que estamos todos a fazer um bom trabalho", começou por dizer ao site da federação portuguesa de futebol.

O estágio da Equipas das Quinas é longo e dura várias semanas, algo que é benéfico de acordo com o jovem pivô: "Sinto que ter um estágio de preparação longo como o nosso é vantajoso pois dá-nos bastante tempo para melhorar, tanto os aspetos físicos, técnico e táticos, assim como as nossas relações com os colegas e o staff técnico", acrescentou.

Sobre o espírito da equipa, o jogador de 19 anos diz que todos estão muito focados na preparação: "Sinto a equipa com vontade de começar e competir, isto porque trabalhamos há anos para este momento, mas estamos todos conscientes de que antes da competição temos a preparação e é nisso que nos focamos primeiro", revelou,

Desafiado a destacar a principal mensagem neste estágio, Rodrigo Simão foi claro na resposta: "Os principais conselhos estão relacionados com a entrega em todos os momentos, seja em cada sessão de treino ou em jogo, e também para estarmos sempre todos unidos e a 'remar' para o mesmo lado. É algo que tenho sentido bastante, a equipa está bastante unida, como uma autêntica família", realçou.

Sobre o seu jogo, o pivô define o seu estilo: "Além das características ofensivas que eu e os outros pivôs temos em comum, eu gosto de destacar a minha disponibilidade em dar tudo em campo para ajudar a minha equipa em todos os momentos do jogo", disse.

Vídeos
Os melhores da jornada 7 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 6 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 5 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 4 da Liga Placard
Os melhores golos da Jornada 3 da Liga Placard Futsal
Os melhores golos da Jornada 2 da Liga Placard Futsal
Os melhores golos da Jornada 1 da Liga Placard
Ricardinho em entrevista ao Goucha, na TVI
Pato: "Fizemos coisas boas, importantes, mas ainda temos de melhorar"
Nuno Dias: "Está tudo ainda muito precoce"
Ficha técnica | Lei da transparência | Estatuto Editorial Politica Privacidade